Leis da Gestalt. Por que elas são tão importantes para a sua compreensão da publicidade?

Alguma vez você já ouviu falar sobre as leis da Gestalt?

Apesar de ser um nome bastante estranho e desconhecido para a maior parte, a Gestalt possui uma relação direta com a publicidade.

As leis da Gestalt, por mais que você tenha pouco conhecimento sobre elas, são extremamente importantes para que se possa ter uma melhor compreensão da publicidade de um modo geral.

Sendo assim, esse artigo tem o intuito de permitir um maior entendimento a respeito dessa relação, começando por explicar o que significa Gestalt.

Acompanhe o texto até o final para saber tudo sobre o tema!

Saiba porque as leis da Gestalt ajudam a compreender a publicidade

O que é a Gestalt?

A Gestalt é um ramo da psicologia que trata do estudo da percepção em relação ao modo como as pessoas percebem o todo antes de compreender as partes individualmente.

Quando alguém olha para um carro vê ali apenas um objeto, que é o todo, mas depois é possível reparar que ele é formado por pequenas partes, como pneus, bancos, volante, motor, etc.

Essa percepção se torna especialmente importante na questão da publicidade ou do marketing, já que por meio das imagens é possível repassar algumas ideias ao público.

Para que isso seja possível, é necessário que a empresa conheça o público com o qual está trabalhando, para que ele seja capaz de entender a imagem repassada.

Quais são as leis da Gestalt?

Abaixo segue uma lista em que são mostradas as leis da Gestalt com uma rápida explicação sobre elas:

  • Unidade: por meio dessa lei se afirma que a percepção humana sobre algo pode ser feita a partir de uma única ou de várias partes que juntas formam um todo, como no exemplo do carro

  • Segregação: essa é uma lei contrária a da unidade, pois ela fala sobre a capacidade de alguém olhar para o todo ou um objeto único e poder isolar as diversas partes

  • Proximidade: por meio dessa lei da Gestalt, os elementos que são próximos agrupam-se

  • Semelhança: similar à anterior, os objetos semelhantes agrupam-se, seja essa semelhança por cor ou por formato

  • Continuidade: nossos olhos têm a capacidade de perceber e seguir um determinado caminho, seja ele como for, uma linha ou uma curva, por exemplo

  • Simplicidade ou pregnância: a pregnância ou a simplicidade da forma indica qual é o nível de facilidade pela qual nós, por meio da nossa percepção, podemos identificar algo

  • Unificação: está alinhada com a semelhança e a proximidade, indicando que quando se tem coisas iguais ou parecidas elas distribuem-se harmonicamente

  • Fechamento ou preenchimento: é a lei da Gestalt em que quando vemos algo em aberto ou em sua forma incompleta nosso cérebro tende a querer fechá-la

Todas essas leis são importantes para que se possa compreender como utilizar-se de imagens, dentro da publicidade ou do marketing, para se alcançar aquele público específico.

Conclusão

Como você viu, as leis da Gestalt passaram a ser muito utilizadas dentro do marketing, tanto o tradicional quanto o marketing digital.

Compreendendo essas leis e como elas influenciam a percepção humana é possível criar campanhas de marketing eficazes, que atinjam o público-alvo e auxiliem a aumentar as conversões.

Neste texto, além de explicar o que são as leis da Gestalt você ainda pôde conhecer mais cada uma delas.

Gostou do artigo de hoje sobre por que as leis da Gestalt são tão importantes para a compreensão da publicidade?

Se você ficou com alguma dúvida sobre esse assunto, escreva-a abaixo nos comentários para que eu possa ajudá-lo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deseja receber conteúdo por e-mail?

BUSQUE POR CATEGORIAS

MARKETING
DIGITAL

IDEIAS E
INSPIRAÇÕES

INSTITUCIONAL

DESIGN

ESTRATÉGIAS

UNIVERSIDADE
POP